Ubisoft

Was a great time! Many projects, many lessons. On this company I was concept art, game design, illustrator, video maker and UX designer.

One of the best projects that I worked for, is Amazon for the Nintendo Wii. The game never was launched, but was a great effort from all team, Frenchs and Brazilians. On this projects I was the concept art and also I made some studies of colors (color scripts), on this project I worked for 4 moths, here bellow some images that I produced to guide the visual of the game and help the team to visualize the game:

Party Planner

Another project that I loved to participate, DS is a hard platform to developer, everything is very small, the color are counted and all the tool are from Nintendo. In this game I was the Game Designer, UX designer and Illustrator and video maker. Bellow the video:

Driver DS help

WWe created a mini game on Nintendo DS that help the player on the game Driver. In this game I worked as game designer and illustrator.

Deer Hunter Tournament

Deer Hunter is classic game made by Soundlogic for the Atari for a long time. The guys made 4 versions of this game, and I worked for the Deer Hunter Tournament as game designer, UX designer, illustrator and video maker.

Ubisoft/Southlogic projects:
• Party Planner – Nintendo DS: Game Designer, 2D Artist
• Wedding Design – Nintendo DS: Game Designer, 2D Artist
• Driver: San Francisco – Nintendo Wii/Nintendo DS: Game design, 2D Artist.
• Deer Hunter Tournament – Xbox360 and PC: 2D Artist
• Boggle – Iwin: Art Director, 2D Artist
• Scooby Doo! Who’s Watching Who? -PSP: 3D Artist
• Football Tigers -PC K elloggs: 2D Artist
• And many other projects that won’t saw the sunlight.

Board games.

One day a friend introduced me to a board game without dice, and it was from this day that I fell in love with board games. I still prefer video games, but board games have opened my mind to new possibilities in game design.

I would like show to you 3 board games and 1 puzzle that I illustrated and did the art direction, from the box to the content.

Ataque Pirata

De Galho em Galho

Tapa Pizza

Mapa Mundi

Math Command: Earth Defense

Hey hello everyone, Amora here!

I would like to present my new game Math Command: Earth defense. This is a little twist of my old game math. Now the game is more fast, more solid and more fun! My focus is yet let you learn math, but with a lot of fun and action. After a session of this game your brain will be more fast for sure! 😉

All our missiles have been reprogrammed and turn against the earth, a plan of revenge orchestrated by the monkey Polymath with your super brain. Now our planet is in danger and only a great math master can brake the codes and defeat the evil Monkey Polymath.

Missiles of all types, evil bosses and many power-ups are all included in this fun and educational game. In the end, you’ll learn more math and won’t even realize you were playing and having fun.

• 10 levels to face
• 11 bad bosses to defeat
• addition, subtraction, multiplication and division calculations.

Guaranteed fun!

Animais no planeta

A versão 1.3 do Animais no Planeta está pronta! E está recheada de novidades!

Com vocês a corujinha guia:

Captura de Tela 2019-10-03 às 17.16.48.png

Olá exploradores, estamos trabalhando para tornar este o melhor aplicativo sobre os animais que habitam o nosso planeta. Este é o nosso objetivo.
Um montão de melhorias nesta versão 1.3:
• Adicionamos mais um local para você visitar na America do norte e claro uma super trilha sonora para este local.
• Adicionamos mais 2 animais, o Veado e a Aranha!
• Sintetizamos ainda mais as informações do painel Info, vamos focar nas informações mais importantes.
• Organizamos cada animal segundo a classificação taxonômico de Lineu. Importante para saber como o animal é classificado em nosso mundo.
• Uma novidade legal! Agora quando você acha um animal, a foto verdadeira dele fica disponível no menu lista dos animais. Assim você vai ver a imagem do animal verdadeiro como ele realmente é!
Por favor divulguem para ajudar o nosso trabalho. E não esqueça de avaliar o aplicativo, é muito importante para nós. Estamos trabalhando em melhorias sempre! 
Cenário novo! Onde está a aranha?
0001 shot
Os ícones também ficaram bonitões! Uma pequena amostra:
Captura de Tela 2019-10-03 às 17.30.29.png

Uma novidade importante!

Nosso jogo foi descrito em dois veículos de comunicação importantes em nosso país! Confere lá a linda matéria que fizeram sobre o aplicativo!
1 – Macmagazine  2 – Tecmundo
Quer baixar o aplicativo é só clicar aqui:
google        applec

É meu aniversário, me dá um presente? :)

sprite_logo-05Dia 2 de agosto é meu aniversário, 43, como o tempo voa! Mas o melhor presente que eu poderia ganhar é o lançamento do aplicativo que estive desenvolvendo sozinho durante os últimos 4 meses. Animals on the planet. Este aplicativo que é fruto da minha força e persistência de acreditar e nunca desistir. Também tem um sabor especial porque coloca a mim artista de longa data no caminho da programação, outra área de grande importância no desenvolvimento de jogos. Fica o meu testemunho para os amigo artistas, ligar a área lógica do cérebro não é uma tarefa fácil.

Eu tenho muita empatia pelos animais que sofrem muito com aquilo que nós chamamos de “progresso”. Sofrem quando nos alimentam e quando nos alimentamos deles, sofrem quando nós os abandonamos, quando empurramos eles para longe de suas casas para colocar as nossas casas, quando os aprisionamos, enfim… Toda essa triste realidade me fez criar este aplicativo. Meu objetivo é contar um pouquinho mais sobre estes animais. Mas sinceramente, acredito que quando falamos mais sobre os animais, eles estarão mais presentes em nossos pensamentos guiando nossa consciência para fazer o que é certo.

Animals on the planet é um aplicativo que fará os pequenos viajar em diversos locais do planeta, explorando e conhecendo melhor estas magníficas criaturas que são os verdadeiros donos do planeta. Construi o aplicativo para ser modular, então mais animais e novos locais vão aparecer nas próximas atualizações. Além da exploração, adicionei um divertido game quiz para praticar o conhecimento adquirido no aplicativo, e é claro um extenso material didático específico de zoologia. Muita pesquisa, muitos detalhes e muita paixão foram adicionados no desenvolvimento deste aplicativo. Agora estou te pedindo um presente de aniversário. Baixa ele e dá aquela força para este desenvolvedor indie que nunca desiste!? 🙂

applec

Cobre o justo ou não cobre!

value.jpg
Quando eu quis ingressar no mercado, aconteceu comigo o que acontece com a maioria dos profissionais iniciantes, uma ansiedade para entrar o mais rápido possível no mercado de trabalho. Muitas vezes o caminho mais óbvio e fácil para forçar esta entrada é a desvalorização do seu próprio trabalho, em outras palavras, cobrar barato. Acontece é que isto alimenta um circulo vicioso e perigoso. Em resumo, cedo ou tarde isso voltará contra você e quando tentar cobrar o justo provavelmente não irá conseguir.

Gostaria de dizer que eu não fiz isso em minha carreira, mas o fiz. Parte porque eu precisava pagar minhas contas, parte por medo de não ser aceito no mercado, e claro, parte por falta de experiência. Me lembro que quando comecei a criar marcas, eu conseguia vende-las por até 2k! Hoje tem profissionais cobrando 5 dólares por 3 versões da marca, e olha que o resultado não é ruim… O que eu quero dizer com isso é que cada vez mais você terá que entregar mais por menos. Um dos meus professores uma certa vez me disse: O desconto é a cocaína do mercado. O cliente uma vez viciado, sempre vai querer mais.

Eu também já recusei trabalhos que o cliente queria aplicar um preço não compatível com o mercado, mesmo precisando do dinheiro. Destes trabalhos que eu recusei, o que soube depois é que o cliente conseguiu um preço ainda mais baixo do que ele mesmo buscava, claro, com qualidade a desejar. Então você pergunta: se eu me recusar a cobrar barato outro profissional irá fazer o trabalho que poderia ser meu? Vai. Está cultura já está impregnada no mercado. Mas o que deixo aqui para você refletir é: valorize-se,
e não deixe que digam o quanto você vale, só quem pode dizer isso é você mesmo.

Criatividade é algo divino?

creacion-de-la-rueda-culturas-prehistoria-pintado-por-franking-9802891Para explorarmos um pouco este assunto, precisamos entender um pouco o que acontece quimicamente em nosso cérebro. Na ciência o que mais fica em evidência quando falamos de criatividade e cérebro são as sinapses. Cientificamente, é o local de contato entre neurônios, é onde ocorre a transmissão de impulsos nervosos de uma célula para outra. Uma espécie de pequena ponte entre um neurônio e outro. Mas o que isso tem a ver com criatividade? Segundo a ciência, quanto mais pontes existir entre estes neurônios, mais rápido as informações vão se cruzar e se conectar.

Mas antes de contar com as sinapses, as tais pontes, é necessário construir um grande banco de dados, as referências coletadas em sua vida. Quanto mais referências mais matéria bruta você terá para cruzar e criar. Mas muitas vezes estas referências estão numa área do cérebro em que mesmo você não terá acesso, o inconsciente. E é de lá que ingredientes especiais são adicionados como numa vitamina que batemos em um liqüidificador. Lá as informações perdem a estrutura como conhecemos, ganham novas formas e significados, um verdadeiro caos.

Falar de criatividade renderá com certeza outros posts, mas me atendo ao assunto, posso afirmar que criar é um exercício diário e que exige muita organização em sua mente consciente e caos no inconsciente. Divino não é? O fato é que se você parar e pensar nós modificamos as coisas desde o princípio, e tudo que fazemos nada mais é do que a evolução de algo que já existe. Uma nota a mais, uma linha a mais, um número a mais… E voilà! As vezes nos faltam referências para chegar na origem, então definimos como inspiração divina ou algo genuinamente criativo.  E você o que você acha?

 

 

Aprendendo a continuar…

Hoje quando pinto com tinta acrílica me lembro dos meus primeiros passos quando comecei com o desenho, com a computação gráfica, com a edição de vídeo, com a fotografia, e muitas outras coisas que quis desenvolver. Sabe o que todas eles têm em comum? O desafio de continuar.

Depois de levar alguns tombos, realmente o que te passa na cabeça é desistir. Tu fala, isso não é para mim. Isso é muito difícil. Não tenho capacidade. Mas a verdade é que a maioria das pessoas para nesse degrau, isso mesmo, esse momento é um degrau. Depois deste degrau que tem o tamanho que você quiser, seu conhecimento aumenta, você passa a conhecer outros caminhos.

Uma boa prática além de estudar é buscar histórias de superação, pessoas que te ajudem a seguir em frente, que passaram por estes degraus. Buscar entender que errar faz parte do processo e que é tão importante quanto aprender uma técnica nova.

Eu sou designer de som sim senhor! :)

Uma das minhas grandes paixões sempre foi criar músicas. As vezes fazia isto com a boca mesmo, nada do velho clichê cantando no chuveiro eu faço mais a linha beatbox. Eu já tive alguns bons instrumentos como, violão, flauta, umas 3 guitarras e 5 teclados. O meu preferido sempre foi o teclado, mais especificamente os sintetizador, o melhor que cheguei a ter foi um Alesis QS6.1, olha ai em baixo a foto do bichão! Eles trazem recursos sonoros e facilitam a composição mesmo para quem não entende nada de música.

qs61

Se você me perguntar se eu sei tocar algum destes instrumentos prefiro dizer que não sei. Se me pedir para tocar a música de alguma banda vou dar risada e fazer igual ao leão da montanha, saída pela direita. Mas então como diabos ele faz música já que ele não conhece as notas nem toca música de ninguém? A verdade é que eu recorro a beleza e a harmonia dos sons misturado ao meu gosto pessoal e meu conhecimento técnico em som. Tipo poeta que não sabe escrever, conhece algum?

Uma das minhas primeiras trilhas sonoras bem sucedidas e quando digo isso foi aquela que consegui construir do inicio ao fim, foi a que eu fiz para o Monstros vs Robôs, um livro interativo que desenvolvi para iOS e Android que também fiz sem saber programar, verdade, o não saber nunca me segurou por muito tempo. O que mais me incentivou a fazer as músicas foi a falta de opções para se comprar na internet.

960x320withoutSeal
Monsters vs. Robots, my first app/game – 2014

Conheci várias ferramentas eletrônicas como o Fruit Loops e o Reason, mas as ferramentas que uso hoje para compor minhas trilhas vão desde o Audacity (ferramenta de edição de som gratuita), Meu amado Garage Band, Apps diversos no meu iPad e meu controlador midi que uso para compor a melodia central. Depois que me acostumei com o processo e com estas ferramentas não parei mais de compor e hoje produzo músicas para praticamente todos os jogos que faço.

Mas e as influências? Eu vou te dizer que gosto de todos os bons sons, aqueles com harmonia, não ligo muito se é pop, rock, metal, clássica, sertanejo, techno, rap, funk… É só não esquecer da palavra harmonia que tá tudo bem!  E na hora de compor aquele bom e velho silêncio é sempre bem vindo!

Cadê as músicas??? Taqui ô, alguma tá?!:

Comenta ai e me diz o que achou, só não vem com aquelas frases, como músico você é um ótimo ilustrador hehehe. Dai vou ter que te dizer que quando comecei a ilustrar eu também não sabia ilustrar, não conta pra ninguém em!

Ataque Pirata – Pintura Acrílica sobre tela.

Eu sei, eu exagerei! Pegar uma das minhas melhores ilustrações para fazer uma releitura em acrílico é um tanto cedo. Mas como eu costumo dizer, um bom desafio é aquele que imprime dificuldade.

Desta vez tentei deixar o traço mais livre, nem mesmo um guia a lápis eu fiz. Deixei tudo a cargo das pinceladas. Meu objetivo é alcançar o estilo do movimento do impressionismo. Difícil para mim que venho dos detalhes, se observar minhas ilustrações todas trazem muitos detalhes.

Não acho que tenha conseguido me livrar dos detalhes ainda. Mas meu bloco de telas que tinha 10 telas agora só tem 7. Cada tela, ou melhor, a cada pincelada acredito que evoluo mais um pouco. Peço desculpas por não registrar apropriadamente este trabalho, mas a velocidade me impediu de tirar mais fotos, no total foram 3 horas aproximadamente.

Como você deve saber, o movimento ficou conhecido por desrespeitar as regras acadêmicas da época. O objetivo era captar a essência do momento através de pinceladas rápidas sem se preocupar com detalhes. A obra que tem me inspirado é uma do Monet: Sol Nascente. Acho que é a que mais retrata aonde eu gostaria de chegar.

As cores:
Preto
Branco
Vermelho da China
Amarelo
Ocre

Ainda estou no meu set básico de pincéis (Tigre). Estou ansioso para usar o anti-secante que comprei para misturar a minha tinta acrílica. Na próxima pintura tentarei usar ele e faço comentários de como foi minha experiência.